Quadros Decorativos

Eu amo quadros na decoração, tenho vontade de encher uma parede só com quadros! rs

Mas na hora de decorar com quadros é preciso tomar alguns cuidados. Nesse post separei algumas dicas que podem te ajudar a usar os quadros da melhor maneira. Confira:

 

1- Harmonia

Um cuidado essencial na hora de escolher quadros decorativos é levar em conta os itens que estão na parte de baixo da parede onde eles serão colocados. Se você vai comprar um quadro para pendurar em uma parede na qual existe um sofá encostado, por exemplo, é necessário analisar aspectos como a maneira como o sofá está colocado no ambiente, qual é a altura do encosto dele e qual será a distância entre esses dois itens.

 

2- Distância

É interessante ressaltar que, caso fique uma distância muito grande entre o sofá e o quadro, ficará a impressão de que o quadro está totalmente avulso, de que ele não está incorporado ao restante do ambiente. A mesma situação acontece quando existe um aparador abaixo do quadro. Se a distância entre eles for maior do que 30 centímetros, o quadro ficará meio perdido/isolado. Por isso, é crucial colocá-lo de maneira harmônica em relação aos outros itens, acomodando-o adequadamente no ambiente.

 

3- Largura

 Equívocos em relação à largura do quadro são muito comuns. Por exemplo, se ele vai ficar em uma parede na qual tem um sofá padrão (de 2,10 a 2,30 metros) encostado, a largura do quadro não deve ser muito menor que isso. O ideal é que, embora seja um pouco menor que o sofá, o quadro tenha proporções aproximadas. Isso é importante para evitar que ele fique muito pequeno em relação ao sofá, o que geraria certa desarmonia. Se não for possível usar um quadro de uma largura aproximada a do sofá, pode-se usar dípticos ou trípticos, que são composições de dois e três quadros decorativos, respectivamente. Fazendo isso adequadamente, a parede também fica com uma boa harmonia.

 

4- Equilíbrio

Priorizando o equilíbrio, deve-se escolher o melhor local para colocar um quadro analisando o tamanho tanto da peça quanto da parede. Em ambientes maiores e amplos, os quadros grandes caem muito bem, pois não vão sobrecarregar o espaço. Já em ambientes menores, o ideal é que se use quadro menores, mesmo que em maior quantidade, para que eles não acabem ficando desproporcionais ao espaço.

 

5- Corredores

Os corredores e halls tendem a contar com paredes mais amplas, o que permite composições com várias peças ou o uso de apenas uma pintura, fotografia ou pôster em tamanho grande e bem centralizado. Nesses ambientes também é possível fazer harmonizações com móveis, desde que se respeite o limite das laterais da mobília.

 

6- Quartos

 Nos quartos, o uso de quadros pode ser mais restrito, já que esses cômodos costumam contar com mais móveis e elementos dispostos pelas paredes. Uma forte tendência hoje é apoiá-los em prateleiras ou mobílias de apoio, além de ficar lindo, dispensa a perfuração da parede. Diante dessas considerações, é necessário que as peças sejam colocadas com bastante cautela, de modo que componham bem com a cabeceira da cama ou com os criados-mudos, por exemplo, sempre respeitando os limites das laterais.

 

7- Inove

Dependendo do tamanho do quadro (especialmente se for uma peça grande), uma ideia viável é colocar o seu quadro decorativo diretamente no chão, encostado à parede. Esta é uma prática especialmente utilizada por pessoas que vivem em apartamentos ou casas alugadas e que, desta forma, esperam evitar furar a parede, sendo evidentemente uma forma diferente e sofisticada de usar quadros decorativos.

 

8- Moldura

Abuse das molduras, elas podem ser lisas, com textura, cores, formatos diferentes, mas leve em consideração de que a ideia é harmonizar os quadros com o restante do ambiente.

 

9- Conte uma história

Por que não usar os quadros para contar sua história? Você pode usar sua criatividade e usar quadros com imagens de coisas que você goste, como gatos, esportes, frases que te inspiram…

 


 

*Possíveis combinações

 

 

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

Redes sociais

Instagram: @matozolarissa

Facebook: Coisas de Larissa

Bjsss L.C 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: http://publicidademarketing.com/dicas-usar-quadros-decorativos-casa/

https://www.tuacasa.com.br/guia-quadros/

https://sisaccab.com.br/quadros-decorativos/

Imagens: Google

Espelho, espelho meu!

Você já pensou em usar espelhos na decoração?

O espelho é um dos poucos acessórios unânimes da arquitetura: combina com todos os estilos de ambientes e cai bem em cômodos de todos os tamanhos. Cores e texturas também não são um problema.

Se usado da forma correta, o espelho pode ampliar e trazer um certo brilho aos ambientes. Para isso, um bom planejamento é fundamental.

Veja as dicas abaixo para começar a decorar com espelhos já!

 

1- Cuidado com o reflexo

Coloque um espelho somente onde você queira mesmo refletir algo. Por mais simples que isso pareça, muitas vezes não notamos que a imagem que aparece no reflexo pode ser o banheiro ou algum espaço que você não queira destacar.

 

2- Foco

Não coloque espelhos em lugares que podem tirar a sua concentração, como atrás da televisão ou no escritório. Você vai querer se olhar o tempo inteiro.

 

3- Haal de entrada

 O hall de entrada também é um dos espaços mais favoráveis para receber um espelho, pois ele ganha amplitude e mais iluminação com esse recurso. Além disso, a parede vazia pode ficar bem charmosa se a peça vier com uma moldura bacana. Não toma muito espaço e é providencial para um retoque final antes de sair de casa.

 

4- Espelhos nas portas dos armários

Ótima solução para quem não tem espaço, o acessório não precisa ficar na porta de dentro, pode ser colocado na porta de fora também. Mas é preciso ter cuidado com a instalação para que a peça não se solte.

Usar um único prego está fora de questão na hora de pendurar um espelho com segurança. Cada gancho atrás da moldura da peça precisa de um prego para chamar de seu, garantindo assim que ele ficará bem fixado na parede e evitando qualquer acidente.

 

5- Aumente o espaço

Colocar um espelho que ocupe a parede toda é uma tática eficaz para dar ideia de amplitude. Espelhos são legais, mas em excesso podem estragar o ambiente, deixando-o desconfortável. Escolha um pedaço de uma parede e pronto, ele será suficiente para colher os benefícios desse recurso sem exagerar.

 

6- Iluminação

A sala de jantar é um dos espaços onde o espelho é mais utilizado, especialmente se houver um belo lustre para refletir. Mas, atenção: se a lâmpada do pendente ficar exposta, a reflexão pode ser gritante e incomodar os olhos. Sua sala recebe a luz da manhã ou do final da tarde? Esses momentos de tanta iluminação podem ser ainda mais bonitos com um espelho posicionado na parede em frente à janela.

 

7- Espelho do banheiro

No banheiro, ele é item básico – mas seu estilo não precisa ser básico. Pode-se caprichar na moldura ou num detalhe bisotê, uma espécie de borda em baixo relevo. E quem não gosta das luzes “de camarim” em volta da peça pode optar por um arranjo mais romântico.

Integre o estilo da moldura ao do cômodo. Espelhos são um ótimo artifício para decorar porque são o tipo de peça que se adapta perfeitamente ao ambiente, independentemente da cor ou do estilo.

 

 

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

Redes sociais

Instagram: @matozolarissa

Facebook: Coisas de Larissa

Bjsss L.C 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: https://www.terra.com.br/vida-e-estilo/casa-e-decoracao/dicas-de-decoracao/confira-dez-dicas-para-usar-espelhos-na-decoracao,0224b5c2f13c2410VgnVCM20000099cceb0aRCRD.html

https://revistacasaejardim.globo.com/Casa-e-Jardim/Decoracao/noticia/2016/03/9-formas-de-usar-espelhos-para-valorizar-os-ambientes.html

Imagens: Google

 

 

Decoração minimalista

A decoração minimalista é uma tendência que vem tornando-se cada vez mais frequente para quem pretende adotar um estilo mais limpo e que dê enfoque para o funcional.

Minimalista é algo ou alguém adepto daquilo que é simples e elementar, considerado um estilo de vida para pessoas que buscam o mínimo possível de meios e recursos para viver. A valorização do mínimo, que pode ser aplicado em várias áreas, principalmente a artística.

Excluir excessos e adotar somente o essencial é o lema deste estilo de vida. Aliar a estética à funcionalidade, deixar o cômodo mais vazio para que possa se sentir mais confortável no espaço ocupado; e valorizar a qualidade no lugar da quantidade são alguns de seus preceitos. 

Utilizando cores neutras, como branco, cinza e preto, formas geométricas simples, móveis multifuncionais e poucos elementos de destaque, a decoração minimalista traz a impressão que “tudo faz parte de tudo”.

Separei algumas imagens de decor minimalista para você se apaixonar pelo estilo:

 

 

O que vocês acham do minimalismo? Adotariam esse estilo de vida? Conta pra mim!!

 

 

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

Redes sociais

Instagram: @matozolarissa

Facebook: Coisas de Larissa

Bjsss L.C 

 

 

 

 

Fonte: https://www.significados.com.br/minimalista/

https://www.tuacasa.com.br/decoracao-minimalista/

https://casaeconstrucao.org/decoracao/decoracao-minimalista/

Imagens: Google

Luminárias na decoração

Foi-se o tempo em que os abajures e luminárias serviam apenas para iluminar, esses itens são primordiais na decoração e podem mudar o “tom” de qualquer ambiente.

Dependendo do design e da localização, a luminária pode deixar o cômodo aconchegante, moderno, retrô ou romântico, além de valorizar a arquitetura.

Se você quer utilizar luminárias na decoração mas não sabe por onde começar, segue as dicas!

 

1- Abajures

O abajur é muito usado em quartos e salas por proporcionar um ambiente mais aconchegante. Muitas pessoas têm abajur no criado mudo ao lado da cama, e geralmente a luz do abajur é a última a ser apagada no quarto.

 

2- Pendentes

Os pendentes são comumente usados em cima das mesas de jantar, mas também podemos vê-los em outros ambientes, como no home office, por exemplo. Posso me arriscar a dizer que os pendentes são as luminárias que tem os designers mais diferentes e interessantes.

 

3- Arandelas

As arandelas são as “luminárias de parede”. Geralmente elas são colocadas em corredores e áreas externas, mas pode ser usada também em banheiros, salas e quartos.

 

4- Plafon

As luminárias plafon são mais discretas e dão um ar minimalista e clean ao ambiente. Elas são usadas sobrepostas ao teto ou embutidas.

 

Agora que você já sabe um pouco sobre luminárias que tal incrementar a decoração de sua casa com elas, hein?!

 

 

 

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

Redes sociais

Instagram: @matozolarissa

Facebook: Coisas de Larissa

Bjsss L.C 

 

 

Fonte: https://www.artmaison.com.br/blog/luminarias-para-decorar-ambientes/

Imagens: Google