História do meu cabelo

Oi gente!

Cortei o cabelo! Foi uma mudança radical mesmo, e decidi contar pra vocês a história do meu cabelo. Nesse post vou falar tudo o que já fiz nele, cortes, coloração… E vou postar as fotos também.

Vamos lá!

Meu cabelo é liso naturalmente, e a cor dele é castanho médio.

Eu sempre gostei de cortar o cabelo, nunca tive medo da tesoura e de mudar – Influência da minha mãe.

Com uns 14 anos mais ou menos eu quis pintar o cabelo. Tive que convencer minha mãe a deixar e por fim minha vó pintou meu cabelo. A cor que escolhi foi a Café Púrpura, não lembro a marca e também não tenho foto daquela época, então peguei uma foto aleatória na internet só pra vocês saberem como ficou a cor do meu cabelo.

Ficou muito bonito, todas as meninas da minha escola amaram meu cabelo e vinham me perguntar qual era o tom.

 

 

Nessa época meu cabelo estava comprido e quando fiz 15 anos cortei meu cabelo beeem curtinho e pintei de novo, dessa vez a cor escolhida foi o Chocolate.

As fotos do meu aniversário estão na casa da minha mãe, então peguei uma foto aleatória novamente só pra vocês terem uma ideia do corte do cabelo.

 

 

Meu cabelo estava bem parecido com o da foto acima, mas no tom chocolate.

Depois disso deixei meu cabelo crescer e a tinta sair. Fiquei com o cabelo natural. Quando estaca com uns 16 anos saiu a moda da franjinha. Todas as meninas da escola cortaram o cabelo assim – inclusive eu.

Também não tenho foto dessa época no meu computador, mas vocês sabem como é o corte com franjinha. Não mexi no tom, meu cabelo continuou natural até os meus 17 anos.

Aí com 17 anos decidi que queria fazer luzes.

Mas como eu tenho pavor a descolorir o cabelo e não queria acabar ficando loira, pedi para a cabeleireira fazer as luzes em mim sem descolorir e com a tinta no tom mel.

Ficou lindo! Quando ela postou a foto do meu cabelo na página do salão todas as clientes começaram a pedir para fazer igual.

 

 

Estou bem Restart nessa foto! kkkk

Retoquei as luzes mais uma vez só e depois deixei as luzes saírem com o tempo.

Fiquei com o cabelo natural por mais um tempo e só fui mudando o corte. Na época meu cabelo era bem repicadão.

 

 

Aí deu a louca e fiz californiana. Mais uma vez sem descolorir o cabelo e no tom mel.

 

E logo em seguida cortei franjinha novamente.

 

Aí deixei meu cabelo ficar n tom natural novamente e sem a franjinha.

 

Nessa foto eu tinha acabado de me casar. Como eu não podia mexer no cabelo por causa do casamento, já estava enjoada dele assim.

Já falei aqui no blog que eu sou “a louca do ruivo”, decidi radicalizar: cortei o cabelo curto e pintei de ruivo!

 

 

Nessa foto não dá para ver muito bem o tom porque não fui direto para o laranja, pintei com um tom mais “brando” para ir me acostumando.

Todo mundo gostou do resultado, então decidi ir de cabeça no ruivo mesmo.

 

 

O ruivo ficou tão bom em mim que tinha gente no meu trabalho que me parava para perguntar se eu era ruiva de verdade! Eu nem gostava, né?!

Sinceramente não achei que fosse gostar tanto. Miais uma vez quero ressaltar que sou TOTALMENTE contra a descolorir o cabelo, eu não descolori para pintar de ruivo, e a cor pegou de primeira.

Mas, como nem tudo são flores… Estava ficando muito caro manter o ruivo. Na época não existiam marcas de tinta de cabelo baratinhas que faziam esse tom, eu tinha que comprar tintura importada.

Eu pagava mais de R$30,00 em cada caixinha de tinta (no meu cabelo iam duas), fora a hidratação, salão…

Estava ficando falida!

E sem falar que meu cabelo estava sentindo toda essa química, ele começou a ficar ressecado e sem brilho.

Eu achei que deixar meu cabelo crescer enquanto o laranja saía ia ficar muito feio. Fui lá e passei tinta preta… pra quê?!

O preto ficou lindo, meu cabelo ficou forte e brilhante novamente, mas o problema foi depois…

 

 

Decidi que ia deixar mais uma vez meu cabelo no tom natural e comecei a deixar o cabelo crescer para o preto sair.

Coloquei na cabeça também que queria ficar com o cabelo beeem compridão, porque toda vez que crescia eu ia lá e cortava…

 

 

Em Janeiro desse ano me “deu a louca” e cortei as pontas porque ela estava muito feia. Cortei mais do que eu queria e ele ficou assim:

 

Nessa foto não dá para perceber que meu cabelo já estava com raiz. Enfim, voltei a deixar o cabelo crescer…

A raiz começou a ficar visível, de longe dava pra ver que meu estava com duas cores.

 

*Ignorem esse ANTES na foto

 

Aí minha amiga Ana me deu um tonalizador para cabelos pretos, inclusive tem post dele no blog (AQUI). E meu cabelo ficou assim:

 

 

Bem escurinho…

E depois decidi que eu ia cortar o cabelo beeeem curto. Eu já estava com essa ideia na cabeça, depois de assistir “As Telefonistas” então… foi o empurrãozinho que me faltava.

Meu cabelo estava na cintura, e me dava um trabalho! Não tenho nenhuma foto de costas para vocês verem, mas tem essa que tirei poucos minutos antes de ir ao salão.

 

 

Cortei, e agora ele está assim:

 

Super radical! As mulheres todas que estavam no solão queriam ver se eu teria coragem de cortar o cabelo realmente.

Só tenho uma coisa a dizer: estou me amando de cabelo curto!!!!

Essa é a história do meu cabelo, o que vocês acharam? Ah! Conta pra mim a história do seu cabelo, quero saber o que você já teve coragem de fazer nele!!!

 

 

 

 

 

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

Redes sociais

Instagram: @matozolarissa

Facebook: Coisas de Larissa

Bjsss L.C 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagens: Google

Intensificador de tons funciona?

Ganhei uma máscara intensificadora de tons escuros da minha amiga Ana, achei super legal e nunca tinha visto.

Mas antes de falar se a máscara funciona ou não, preciso contar um pouco da história do meu cabelo…

Meu cabelo natural é castanho médio. Eu sou “a louca do ruivo”, amo de paixão tons ruivos acobreados, um dia criei coragem e pintei meu cabelo de ruivo acobreado. Ficou lindo! Como nessa época eu tinha acabado de entrar no meu antigo emprego, várias pessoas me paravam no elevador ou nas escadas para perguntar se eu era ruiva de verdade, de tão natural que ficou em mim. Eu me achava de cabelos ruivos kkk

Fiquei no ruivo por um ano, mas a tintura começou a danificar os fios do meu cabelo. Ele já não tinha mais brilho e ficou ressecado.

Como eu não ia ter paciência de esperar meu cabelo crescer para a tintura sair, fui lá e passei uma tinta preta. A pior burrada da minha vida! Deveria ter passado um castanho.

O preto não ficou feio em mim, meu cabelo ficou super brilhante e cheio de vida. O problema foi que do dia pra noite eu resolvi deixar meu cabelo no tom natural novamente.

Quando meu cabelo começou a crescer nem dava pra ver a diferença de tons, mas agora que já cresceu bastante a diferença é gritante! E isso me incomoda muito!!!

Até que um dia a Ana me falou que estava usando a máscara intensificadora de tons para cabelos escuros e estava gostando do resultado. Fiquei interessada para ver se funcionaria em mim.

Depois de uns dias ele me mandou mensagem dizendo que estava me mandando a máscara por correio (não moramos na mesma cidade). Amiga top é outra coisa né?!

A máscara que ela me mandou é a Máscara Preto Intensificador de Tons Sem Amônia Intensive Repair Profissional da Triskle. Vem 300g  no pote.

A Máscara Preto Intensificador de Tons Sem Amônia Intensive Repair Profissional  realça a coloração dos cabelos, promovendo brilho intenso e tons muito mais vivos. Seus ativos especiais atuam diferentemente na fibra capilar devolvendo os nutrientes e vitaminas essenciais, além de proteger os fios, prolongando a duração da cor.

O fabricante recomenda o uso após lavar os cabelos com shampoo. Retire o excesso de água com uma toalha e aplique a máscara por todo o cabelo, massageando mecha a mecha. Aguarde por 30 minutos e enxágue bem até eliminar o excesso do produto. Ah! Use luvas porque mancha!!

Eu adorei o resultado, realmente a máscara faz o que promete. Ela vai saindo conforme você for lavando o cabelo.

Obrigada Ana!!!<3

 

 

Veja abaixo o Antes e Depois da máscara:

 

 

Depois

 

O que vocês acharam do resultado? Está aprovado?

 

Link para comprar a máscara da Triskle >>> https://www.perfumariaseiki.com.br/mascara-preto-intensificador-de-tons-sem-amonia-intensive-repair-profissional-300g—triskle-57352/p

 

 

 

 

 

 

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

Redes sociais

Instagram: @matozolarissa

Facebook: Coisas de Larissa

Bjsss L.C 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Obs: não contém propaganda paga.

Imagem: Google

 

Cabelo curto ou comprido? Descubra (de uma vez por todas) o comprimento ideal para você!

Sou daquelas que acha cabelo compridão lindo, mas também sou daquelas que ama cabelo curto!

Atualmente estou deixando meu cabelo crescer, quero deixar ele até na cintura, isso se tornou uma meta pra mim porque sempre que começava a deixar o cabelo crescer, me dava um estalo e cortava o cabelo bem curto!

Já tive cabelo bem curtinho mesmo, médio e agora longo, nunca tive medo de cortar o cabelo e mudar.

Mas vocês já repararam que tem gente que fica linda de cabelo curto, mas não fica tão bem de cabelo comprido e vice-versa?

Pensando nisso, resolvi fazer esse post para sanar de uma vez por todas essa dúvida tão frequente da mulherada!

O cabelo é a moldura do rosto, e antes de cortar os cabelos temos que atentar ao comprimento, corte, franja…

Para descobrir se você fica melhor com cabelo comprido ou curto existe um “teste” muito simples, vamos lá:

 

*Posicione uma caneta/lápis abaixo do seu queixo na horizontal. Com o lápis/caneta posicionado, coloque uma régua abaixo de sua orelha na vertical. É importante que seu rosto esteja bem reto (faça isso olhando para um espelho).

 

*Se depois de medir você verificar que tem até 5,5 cm de comprimento entre sua orelha e seu queixo, o ideal para você são cabelos curtos.

 

 

*Se a medida entre sua orelha e seu queixo passar de 5,5 cm, significa que você fica melhor de cabelos compridos.

 

Peguei a Selena Gomez e a Sarah Jessica Parker como exemplo porque elas tem tipos de rosto completamente diferentes e as duas já tiveram cabelo curto e comprido. Pelas fotos fica nítido qual é o melhor comprimento para elas, não é?! O rosto da Selena fica bem mais harmônico com cabelo curto, e o da Sarah fica mais harmônico com cabelo comprido.

 

É claro que tudo na vida tem seus prós e contras, e com os cabelos não é diferente!

Cabelos curtos – prós

Lavar e secar o cabelo rapidamente, quanto mais curto o seu cabelo for, mais saudável é. Não precisa de se preocupar muito com o tipo de shampoo que usa ou com a eficácia do condicionar. Não sentir tanto calor. Ser diferente da maioria das mulheres, cortes curtos e arrojados. Fazem-na parecer mais nova e com mais personalidade. Qualquer look ou maquiagem brilha mais com cabelos curtos. O cabelo vai crescendo e pode ter vários looks em cada seis meses.

 

Cabelos curtos – contras

Não tem muitas variedades de penteados. Alguma dificuldade para fazer penteados, porque não se consegue chegar à parte de trás do cabelo. Ter que ir mais que 2 vezes por ano cortar o cabelo, se o quiser manter curto. No entanto, isso também o vai deixar saudável.

 

Cabelos compridos – prós

Ótimo para fazer penteados e ter looks diferentes todos os dias.  Poder fazer um alto e lindo rabo de cavalo. Poder fazer os próprios penteados, é mais fácil porque o cabelo acaba por não escorregar.

 

Cabelos compridos – contras

É preciso ter muita paciência e tempo. Demora imenso tempo a lavar e a secar. Um maior gasto de produtos para o seu cabelo. Quanto maior for o cabelo, mais calor tem a mulher. Facilidade em fazer nós e embaraçar-se.

 

 

Obs: se você ama cabelo curto ou comprido, fique a vontade para usar o corte que mais lhe agrada, independente das medidas que você tiver. Esse post é só para te mostrar o cabelo que ficaria melhor para você, ok?!

 

 

 

 

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

Redes sociais

Instagram: @matozolarissa

Facebook: Coisas de Larissa

Bjsss L.C 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: https://www.maxima.pt/beleza/cabelos/detalhe/afinal-cabelo-curto-ou-cabelo-comprido

https://www.youtube.com/watch?v=UGQsHCwqUEY

Imagens: Google

Cabelos 2018 – tendências

Dizem que o cabelo é a moldura do rosto e que ele tem o “poder” de elevar a auto-estima ou arruiná-la.

As cores dos cabelos também tem a mesma força do corte, se errarmos a mão, já era!

Esse ano de 2018 trás opções para todos os gostos, as moderninhas vão amar e as tradicionais também.

Sem mais delongas, vamos ás tendências!

 

1- Cores fantasia

eyrflxur4dmv0y46j5yezh1ss

Se você sempre teve vontade de ousar nas cores a hora é agora, as cores fantasia (roxo,azul,rosa,verde) estão em alta.

 

2- Corte em camadas

FOTO1

Esse corte dá volume e movimento aos fios, sem tirar muito o comprimento.

 

3- Corte reto

trend-corte-cabelo-amend-comprido-pontas-retas

O corte reto, estilo Monalisa, volta com força total. A franja no mesmo comprimento do cabelo dá o charme (atualmente esse é o meu corte de cabelo).

 

4- Super curto

cortes_cabelo-curto_assimetrico1-1

O estilo short bob está em alta, ele é um corte bem mais curto que o long bob.

 

5- Cabelos castanhos

img-773058-conheca-4-tons-de-cabelos-castanhos-em-alta-no-inverno20170629101498744177

Podem ser iluminados ou em tons chocolate, se o seu tom natural já é o castanho, aproveite para deixar os fios livres de tintura.

 

6- Cabelos ruivos

pynnnvr.png

Os ruivos naturais saem de cena para dar espaço aos ruivos avermelhados.

 

7- Cabelos loiros

cabelos-loiros-verao

Platinados, acinzentados, com fundo escuro… loiro é loiro!

 

Agora já dá para ter um norte se você queria mudar as madeixas mas estava sem ideia!

 

 

 

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

Redes sociais

Instagram: @matozolarissa

Facebook: Coisas de Larissa

Bjsss L.C ❤

 

 

 

 

Imagens: Google

Fonte: http://www.sitedebelezaemoda.com.br/cabelo-2018-tendencias-em-cortes-cores-e-mechas/