Não se reprima!

Ouvi certa vez que surgimos a partir de uma explosão e fomos gerados por energia cósmica, tentei  compreender essa linha de raciocínio, mas acho que não tenho fé suficiente para isso.

Se tivéssemos sido gerados por energia, como explicaríamos as nossas emoções? Não acho que energia se emocione, tenha momentos de alegria a ponto de rir até a barriga doer, não creio que a energia sinta saudades.

Mas afinal de contas, por que somos seres dotados de emoções?

A raiz da palavra emoção é “motere”, o verbo latino “mova-se” – Juntando o prefixo “e” – que significa “afastar-se” – ou seja, indica uma tendência a agir e isto está bem claro em todas nossas emoções.

Trocando em miúdos, as emoções nos movem, nos tiram da zona de conforto, nos fazer ter coragem para enfrentar a vida e nos motivam muitas vezes. Todas as emoções  são importantes, os medos, as tristezas, a ansiedade, isso tudo faz parte de nossas vidas, cansei de ver pessoas demonizando sentimentos como tristeza e medo por exemplo, mas se partirmos do principio que fomos criados por Deus e que tudo que temos e somos vem dEle; acredito que as emoções também sejam obra dele.

A tristeza, muitas vezes tão rejeitada pelas pessoas por ser um sentimento de dor, demonstra  alguns dos atributos de Deus em nossas vidas. Ficamos tristes quando somos injustiçados, tristes quando alguém que amamos se vai, ficamos tristes por não alcançarmos objetivos, poderia listar muitos motivos aqui, mas se olharmos para a tristeza como um todo,  vamos perceber que bem lá no intimo, ela mostra o amor que sentimos e que temos plantado em nós, mesmo que seja difícil identificar, ele está lá.

Não quero que pensem que sou um defensor da tristeza, muito pelo contrário, faço o que estiver ao meu alcance para ver alguém feliz, só estou tentando mostrar que caso você se encontre triste, não se entregue, esse sentimento faz parte de um crescimento que vamos ter por toda a vida.

Quanto ao medo, bom, ele muitas vezes é confundido com falta de fé, pensamento raso e sem muito fundamento. Algumas pessoas tem medo de escuro, outras medo de barata, outras  de altura, enfim, são muitos os medos possíveis, existe uma frase clássica que diz: “só morre afogado, quem sabe nadar”, ou seja, o medo aqui salva vidas rsrsrs

O medo é um sinal de respeito quanto ao desconhecido, o medo muitas vezes nos protege, até de nós mesmos.

-Precisamos levantar um ponto, sei que existem questões de saúde que envolve medo, são inúmeras fobias, nesses casos é recomendado acompanhamento médico e fé, crer que Deus pode fazer com que isso tenha um fim, mas saber também que os médicos são bênçãos de Deus aqui na Terra.

Votando ao post…

Não reprima suas emoções, elas fazem parte de você, você é um ser emocional e deve desfrutar disso. Não segure o choro, não evite rir (mesmo que a hora seja imprópria, nesse caso, seja discreto), sinta saudades, tenha medo, tenha coragem, desconfie, confie, ame…

Isso tudo fará você se mover em direções que poderão fazer toda a diferença em sua vida, às vezes será preciso recuar, mas o aprendizado nesse momento será para sempre.

Mas o mais importante é que devemos lançar nossas emoções em Deus, Ele é quem nos sustenta, somos criação dEle, feitos por Ele e para Ele, nossas emoções fazem parte desse pacote.

Não seja refém de emoções reprimidas, seja um ser emotivo, isso lhe ajudará a ser melhor com você mesmo e com as pessoas a sua volta, quando reprimimos nossas emoções estamos escondendo quem somos.

“Lancem sobre Ele toda a sua ansiedade, porque ele tem cuidado de vocês.” 1 Pedro 5:7

Texto de Geovane Silva Fortuna

 

Gente, o Geovane é um amigo meu e ele escreve muuuito bem e sobre temas variados. Ele tem uma página no face que é a Entrando de Sola.

Entra lá pra conhecer mais do trabalho do Geovane e não deixe de curtir e seguir a página dele, hein?!

 

 

 

 

Gostou desse post? Deixe seu comentário!

Redes sociais

Instagram: @matozolarissa

Facebook: Coisas de Larissa

Bjsss L.C 

 

 

 

Imagem: Google

Deixe uma resposta